A+ A-

Notícias

quarta-feira, 5 de junho de 2019

Redes Sindicais da Alimentação e de Laticínios se reúnem em Intercâmbio Setorial

leite2.jpg

Fotos: Miguel Ângelo/CNI

 

Entre as discussões do encontro, a defesa do Sistema S junto a parlamentares

 

As Redes Sindicais da Alimentação e de Laticínios, formadas por lideranças sindicais dos dois setores, estiveram reunidas nestas segunda e terça-feiras (03 e 04.06) para Intercâmbio de Lideranças Setoriais da Indústria da Alimentação e de Laticínios. O encontro foi realizado na sede da Confederação Nacional da Indústria (CNI), em Brasília.

 

Os dirigentes compartilharam experiências em boas práticas sindicais e discutiram estratégias para fortalecer a atuação das entidades junto aos poderes públicos. Os participantes debateram sobre os desafios e oportunidades pós-reforma trabalhista. Também estiveram em pauta as Reformas Previdenciária e Tributária. O encontro contou com a presença do deputado baiano Zé Neto (PT/BA), que se colocou a favor das demandas da indústria e do Sistema S.

 

O presidente do Sindicado das Indústrias de Laticínios e Produtos Derivados do Leite do Estado da Bahia (Sindileite), Paulo Cintra, considera bastante produtiva a aproximação dos presidentes de diversos estados para discussão de assuntos comuns. “O compartilhamento de boas práticas ajuda a estimular a atuação dos sindicatos e mantê-los ativos, operando no sentido de orientar e ajudar as indústrias”, afirmou.

 

Os presidentes participaram também de uma visita técnica ao Congresso Nacional e foram recebidos por parlamentares. “A interlocução com o Congresso, desta vez com um foco também na proteção ao Sistema S, no que diz respeito à manutenção das suas origens de recursos, reforça a importância de estarmos próximos aos parlamentares relatando nossa visão e o que precisamos”, completou Cintra.

 

Intecambioleite.jpg

“Os temas discutidos foram bem oportunos e pudemos ter uma visão clara sobre as propostas em tramitação das Reformas Previdenciária e Tributária”, pontuou o presidente do Sindicato das Indústrias de Café do Estado da Bahia (Sincafé-BA), Antonio Roberto Almeida, que também participou do encontro. “O intercâmbio é uma oportunidade que nos faz refletir sobre o aspecto gerencial enquanto sindicato e sobre as novas possibilidades que podemos colher com esta interação entre presidentes de sindicatos”, concluiu.

 

O Intercâmbio de Lideranças é uma parceria da CNI com Federações da Indústria, dentro das ações do Programa de Desenvolvimento Associativo (PDA), para fomentar a troca de experiências de gestão entre dirigentes de sindicatos empresariais, estimulando a atuação conjunta. Até o final do ano, serão realizados no total 14 intercâmbios de redes sindicais. O próximo será o da Indústria Gráfica, dias 2 e 3 de julho.