A+ A-

Notícias

terça-feira, 14 de setembro de 2021

CT WorldSkills do SENAI BA é inaugurado em abertura de seletiva nacional para o mundial

O novo Centro de Treinamento Integrado WorldSkills (WSC) Bahia do SENAI regional foi oficialmente inaugurado, nesta segunda-feira (13), durante a cerimônia de abertura da seletiva nacional da ocupação de Robótica Móvel, uma das modalidades da Olimpíadas do Conhecimento. O ambiente de testes vai sediar, até dia 17, disputa por medalhas e possibilidade de ir ao mundial de profissões técnicas, que vai acontecer na China.

Com 540 m² de área, o espaço, um ambiente de referência internacional em competições técnicas, funciona no SENAI Lauro de Freitas. Lá, alunos ou egressos do SENAI praticam diariamente suas habilidades técnicas e comportamentais, mirando a WSC. O local reproduz as estações de provas para nove ocupações técnicas, entre as quais Robótica Móvel.

>>> Veja aqui como ficou o CT. 

 

dupla baiana wsc.jpg

Dupla baiana encara primeiro dia de provas no novo CT WSC, no SENAI Lauro de Freitas. Fotos: Gilberto Jr./Coperphoto/Sistema FIEB.

“Há alguns anos o presidente da FIEB lançou o desafio de ampliarmos nossos resultados na WorldSkills. O SENAI fez o investimento no CT e em novos profissionais para o projeto e hoje nós estamos sediando uma seletiva na nossa arena. Nos sentimentos honrados com a confiança do Nacional”, afirmou o diretor do SENAI Bahia, Rodrigo Vasconcelos, na abertura do evento.

De olho na China – Ao longo desta semana os jovens Gabriel Santana e Marcus Fonseca (BA), Alan Silva e Kenedy Silva (MG), Endyeumara Raimundo e Felipe Ferreira (PR), Matheus Oliveira e Gabriel Ribeiro (RS) e Lucas Alves e Eli Almeida (SP) vão disputar medalhas e a chance de representar o Brasil no maior torneio de educação profissional do mundo.

As provas são inéditas, executadas em 4 dias, divididas em módulos, e os competidores são avaliados de acordo com padrões internacionais de qualidade. Presente à cerimônia de abertura da seletiva, o coordenador Técnico do SENAI Nacional, Jeferson Leandro Mateucci, explicou que a WSC é muito mais do que uma competição de profissões.

“A competição eleva o nível dos novos alunos que, através dos treinamentos, apreendem o que há de mais novo em termos de tecnologia. Com isso, toda a equipe envolvida faz esta transferência de tecnologia para o SENAI, que leva este conhecimento de ponta para a indústria”, afirmou.

O mundial é realizado a cada dois anos e envolve, nas regionais do SENAI de todo o país, uma série de profissionais, entre experts, delegados técnicos, e avaliadores, além dos próprios atletas, que são alunos ou egressos da instituição.

Na última competição internacional, realizada em Kazan, na Rússia, em 2019, os baianos Daniela Carneiro, Ítalo Gonçalves e Edmilson Souza conquistaram a medalha de bronze nas ocupações em que competiram (Química e Mecatrônica, respectivamente. A 46ª edição da WorldSkills será em Shanghai, China, em 2022.