A+ A-

Notícias

sexta-feira, 27 de setembro de 2019

Reunião de diretoria da FIEB é realizada em Conquista com empresários do Sudoeste

O presidente da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB) e do Centro das Indústrias do Estado da Bahia (CIEB), Ricardo Alban, e dirigentes do Sistema FIEB realizaram, nesta quinta-feira (26), em Vitória da Conquista, a reunião conjunta de diretoria das instituições. O encontro, que contou com a participação de empresários da região Sudoeste, aconteceu na Unidade Integrada Jorge Lins Freire, situada na Avenida Olívia Flores.

reuniao Conquista.jpg

O presidente da FIEB e do CIEB, Ricardo Alban, conduziu a reunião em Vitória da Conquista. Fotos: Inácio Teixeira/Coperphoto/Sistema FIEB.

Na reunião, foram apresentadas as ações e serviços do Sistema FIEB que apoiam a competitividade da indústria baiana. O evento também foi uma oportunidade para ouvir pleitos e sugestões dos empresários de Conquista, Jequié, Brumado, Guanambi e Itapetinga. “A iniciativa de aproximar a capital do interior é excelente, só vai fortalecer a indústria da Bahia e alavancar o processo de crescimento do setor”, pontuou o presidente da Associação das Indústrias de Vitória da Conquista (AIVIC), Claudio Marinho.

Para o líder da Associação das Indústrias de Jequié (ACIJ), Yan Almeida, o evento representa a materialização do projeto de interiorização da FIEB e também constitui uma oportunidade para os empresários. “Creio que boa parte do empresariado da região conhece a atuação das entidades do Sistema FIEB apenas superficialmente. Por isso, por vezes acaba buscando suporte para suas demandas de forma individual, sem saber do respaldo qualificado que estas entidades oferecem”, afirmou.

O presidente da FIEB, Ricardo Alban, ressaltou a necessidade de união e parceria entre o empresariado baiano e nordestino para que se busquem soluções para problemas comuns. “Precisamos reunir esforços para superarmos nossas questões. Somos diferentes de outras regiões do Brasil e devemos lutar para que as desigualdades tenham respostas desiguais, a fim de se encontrar mais equilíbrio”, disse.

O vice-presidente da FIEB, Juan Lourenzo, que apresentou enfatizou a importância do associativismo para as empresas. “Juntando nossas forças temos mais chances de alcançar nossos objetivos, especialmente nas questões relativas à defesa de interesses e para as indústrias do Sudoeste, que são fundadas por empreendedores baianos. As associações industriais são um exemplo disso”, defendeu.  

Dados - De acordo com o Guia Industrial da FIEB, na região Sudoeste existem 1.258 empresas industriais, que juntas geram mais 41 mil empregos diretos. Entre os principais segmentos, estão os de Fabricação de Calçados e Artefatos de Couro, Fabricação de Produtos Alimentícios, Fabricação de Artigos do Vestuário e Acessórios, Produção de Minerais Não-Metálicos, Construção de Edifícios e Fabricação de Produtos de Borracha e Plástico.