A+ A-

Notícias

terça-feira, 3 de setembro de 2019

Sindileite promove missão técnica à Região Sul

Dezoito empresários do setor de laticínios e produtores rurais participaram de uma missão, entre os dias 26 de agosto a 1° de setembro, aos estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Na visita, eles buscaram novas tecnologias e formas de aumento da produtividade, além de entender como funciona a produção integrada de gado de leite, suínos e piscicultura adotada pelas pequenas e médias propriedades agrícolas locais.

Missao.jpg

Empresários e produtores rurais participaram da missão ao Sul do país. Foto: arquivo pessoal. 

A missão empresarial, organizada pelo Sindicato das Indústrias de Laticínios e Produtos Derivados do Leite do Estado da Bahia (Sindileite), em parceria com a Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB), contou com o apoio da Secretaria de Agricultura da Bahia e é desenvolvida há dez anos para potencializar a produção, principalmente de gado de leite.

 

Em Santana Catarina, o grupo visitou o Vale de Braço do Norte e Rio Fortuna. De lá, o grupo seguiu para o Rio Grande do Sul, onde visitou indústrias de laticínios e de fornecedores de maquinário para o setor, nos municípios de Caxias do Sul, Bento Gonçalves e Gravataí. Antes de deixarem o Sul, ainda passaram pela Expointer, em Esteio (RS), maior feira do agronegócio do país.

 

“Fomos entender como funcionam as propriedades integradas e ver se é possível adaptar para a realidade da nossa região. No Sul, além do solo e clima mais propícios, também é comum a agricultura familiar e pequenas propriedades, que facilitam a associação de produção em uma mesma área. Na Bahia, é possível criar uma propriedade rentável e diversi?cada”, afirmou o presidente do Sindileite, Paulo Cintra. “Notamos ainda a importância da atuação do poder público, a exemplo do cuidado com a conservação das estradas”, completou Cintra.

 

A Bahia produz 60% dos produtos lácteos que consome e importa o restante. Não há produção su?ciente para atender toda a população.