A+ A-

Notícias

quinta-feira, 7 de junho de 2018

Superintendente da FIEB participou da 1ª edição do Encontro Aberje BA

Cid Vianna foi o palestrante do encontro da Aberje Foto: Ascom/Aberje
Cid Vianna foi o palestrante do encontro da Aberje Foto: Ascom/Aberje
 
A Associação Brasileira de Comunicação Empresarial (Aberje) realizou, nesta quinta-feira (7.6), no auditório do Espaço Verde Paralela, na sede da Odebrecht em Salvador, a primeira edição do Encontro Aberje Bahia. O evento, que reuniu profissionais de comunicação empresarial da Bahia e de outros estados, foi encerrado com uma palestra do superintendente Executivo de Serviços Corporativos da FIEB, Cid Vianna, que falou sobre o tema Sistema FIEB e os desafios na era da Comunicação 4.0. 
 
A palestra foi antecedida de um painel de experiências da Coelba, com o case No São João da Coelba, curta com segurança e da Odebrecht S.A.: Trajetória de reconstrução Reputacional do Grupo Odebrecht, apresentados, respectivamente, por Amine Darzé, gerente de Comunicação da Coelba, e por Marcelo Gentil, gerente de Comunicação da Odebrecht S.A. para a região Nordeste e diretor do Capítulo Aberje Bahia. O case da Coelba foi vencedor do Prêmio Aberje 2017 nacional na categoria comunicação integrada. Já a apresentação de Marcelo Gentil mostrou o planejamento desenvolvido pela Odebrecht S.A. desde a implantação de um novo modelo de governança corporativa há dois anos, para reconstruir a reputação do grupo e reafirmar seu compromisso com a sociedade e o país. 
 
A Indústria 4.0 é a nova fronteira da produção industrial e tornará a forma como se produz hoje obsoleta. Neste modelo, tecnologias ganham maior integração e protagonismo.  Diante de um cenário competitivo, inovador, digitalizado e ágil, o Sistema FIEB compreende o momento estratégico do setor e está apto a oferecer soluções tecnológicas inovadoras, inclusive na área de comunicação. Foi com este mote que o superintendente Cid Vianna falou para especialistas de comunicação, mostrando o desafio assumido pelo Sistema FIEB de servir como catalizador para conduzir as entidades que a compõem, a indústria baiana e a sociedade, extensivamente, para o advento da era da comunicação no cenário da revolução Industrial 4.0.
 
 
Ele elencou os principais pontos da proposta do Sistema FIEB para fazer face à nova revolução industrial e mostrou como a comunicação aparece como ponto central para construir o ambiente necessário para quem as novas transformações por que passa a sociedade sejam efetivas. Cid chamou especial atenção para a velocidade com que as informações circulam e para a necessidade de adaptação que isso exige. “No Sistema FIEB, a discussão sobre a revolução 4.0 faz parte do nosso cotidiano e estamos montando grupos de trabalho para estabelecer os rumos que devemos seguir”, ressaltou, acrescentando a importância do processo de comunicação que, na avaliação dele, tem que estar presente em todas as etapas.
 
Marcelo Gentil, diretor da Aberje Bahia
Marcelo Gentil, diretor da Aberje Bahia
 
“A Aberje escolheu o tema “Comunicação como Cultura” para inspirar seus projetos e ações em 2018 e está reaquecendo seu capítulo Bahia. O encontro faz parte desse momento e funciona como uma forma de compartilhar diálogos, experiências, conhecimentos e conteúdos para que profissionais e empresas locais sejam incentivados a fortalecer a comunicação e seu papel estratégico”, avalia Marcelo Gentil, diretor da Aberje Bahia. “A comunicação mudou muito nos últimos 50 anos e há previsão ainda maior de mudanças para os próximos 50. Ao reunir diferentes temas no encontro, o objetivo é chamar atenção para temas emergentes e estruturantes na área de comunicação e negócios”, acrescentou Marcelo.
 
 
 
 
Com informações da ABERJE
Atualizado 07/06/2018, às 19:00