A+ A-

Notícias

quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Portal de Negócios vai aproximar compradores e fornecedores

Promover a aproximação comercial entre empresas é o objetivo do Portal de Negócios da Indústria, lançado nesta quarta-feira (08.11), no VII Encontro de Compradores e Fornecedores. Iniciativa da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB), em parceria com o IEL, o ambiente virtual foi desenvolvido para aproximar compradores e fornecedores.

O superintendente do IEL, Evandro Mazo, apresentou o Portal de Negócios. Fotos: Lúcio Távora / Coperphoto / Sistema FIEB.

 

Com a plataforma, os usuários poderão localizar fornecedores no estado, entrar em contato, solicitar orçamento, cadastrar cotações e se informar sobre eventos de negócios realizados pelo IEL e entidades parceiras. Além disso, o portal também dará visibilidade para as empresas baianas. “É um ambiente para potencializar negócios com empresas do nosso estado”, explicou o superintendente do IEL, Evandro Mazo durante a apresentação da nova plataforma.

ENCONTRO

 

Evento teve como objetivo estimular a geração de negócios entre grandes empresas compradoras e fornecedoras baianas.

Estimular a geração de negócios e fomentar o networking entre grandes empresas compradoras e fornecedoras baianas também é o objetivo do VII Encontro de Compradores e Fornecedores, promovido pelo Instituto Euvaldo Lodi (IEL), em parceria com o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas da Bahia (Sebrae-BA).

O superintendente do IEL, Evandro Mazo, alertou que as empresas precisam estar atentas aos desafios que a digitalização dos modelos de negócios apresenta. “A tendência é que o fornecedor entregue cada vez mais valor e mais serviços. Para isso, a competitividade e a busca pela eficiência são fundamentais”, destacou.

Já o diretor técnico do Sebrae, Franklin Santos, falou sobre a importância do encontro para a aproximação comercial. “Estamos felizes por apoiar ações como esta, que viabilizam o contato entre empresários, promovendo a aproximação comercial”, disse, reforçando a necessidade de as micro e pequenas empresas se adequarem aos pré-requisitos das grandes corporações instaladas no estado. A abertura do evento também contou com a participação de Paulo Sérgio Santos, do Fórum de Suprimentos do Cofic.

INOVAÇÃO E COMPETITIVIDADE

O consultor Cláudio Forner falou sobre inovação e competitividade.

O Brasil passa por uma crise de envelhecimento dos modelos de negócios que implica na queda da competitividade. Esta é a avaliação do consultor Cláudio Forner, especialista em varejo internacional e empreendedorismo, que ministrou palestra sobre inovação e competitividade. Segundo ele, as empresas precisam modernizar seus processos, analisando porque ficaram para trás e com foco nas tendências de mercado. “É preciso estar atento às oportunidades, ter flexibilidade e estar aberto para as mudanças”, aconselhou. 

Forner, que participou como conselheiro do programa O Aprendiz, falou sobre a inovabilidade, um novo conceito no mercado, que une duas grandes tendências: inovação e sustentabilidade. “O consumidor enxerga valor na empresa que inova, mas sem comprometer os recursos para as gerações futuras”, comentou.


CERTIFICAÇÃO

Empresas participantes do Programa de Qualificação de Fornecedores foram certificadas durante o evento.

Os participantes do encontro também puderam conhecer as experiências de sucesso na área de suprimentos. O diretor de Suprimentos do Grupo Boticário, Fábio Miguel, falou sobre a parceria da empresa com o IEL para qualificar empresas baianas fornecedoras de produtos e serviços. Ele também apresentou as oportunidades de fornecimento para o Grupo Boticário e explicou que a empresa possui um processo de homologação para todos os fornecedores.

Já o diretor da planta da Faurecia na Bahia, Leandro Perroni, falou sobre os desafios e perspectivas dentro da cadeia de suprimentos. A empresa fornecedora de auto peças plásticas injetadas e metálicas está presente em 35 países. “Queremos fazer parcerias e fomentar o mercado local”, afirmou, lembrando que, para tanto, os fornecedores precisam atender critérios de qualidade, requisitos ambientais e de logística, entre outros.

A programação do evento incluiu a cerimônia de certificação de 14 empresas participantes do Programa de Qualificação de Fornecedores. Há mais de 10 anos o programa qualifica micro, pequenas e médias empresas, auxiliando na implantação de 92 práticas de excelência, distribuídas em 10 critérios. As empresas participantes são certificadas nas categorias Diamante, Rubi e Topázio.

O VII Encontro de Compradores e Fornecedores contou, ainda, com uma Rodada de Negócios envolvendo empresas compradoras e fornecedoras de produtos e serviços para a indústria.

 

Confira aqui fotos do evento