A+ A-

Notícias

terça-feira, 30 de julho de 2013

Competitividade: CIN promove consultoria para empresas baianas da área de cosméticos

No último dia 22, a consultora italiana Diana Malcangi participou da 5ª Feira Cosmético Bahia realizando o seminário Excelência na Produção de Cosméticos: o caminho para obtenção de sucesso nos negócios. O evento, promovida pelo Centro Internacional de Negócios (CIN) da FIEB integra as ações do Programa Al-Invest, financiado pela União Europeia com o objetivo apoiar o fortalecimento e internacionalização das pequenas e médias empresas latino-americanas, o intercâmbio de inovações e conhecimento e a promoção de negócios com empresas do velho continente.

 

Diana Malcangi falou sobre as exigências do mercado europeu. FOTOS: Juarez Matias/Coperphoto/Sistema FIEB.

 

Com foco na adequação de produtos e processos na formulação, rotulagem, embalagem e certificação, a partir de boas práticas na União Europeia, o seminário técnico foi uma das atividades das ações de consultoria visando a estruturação e aumento da competitividade da indústria de cosméticos no Brasil.

 

“Aqui na Bahia, as atividades envolveram visitas a quatro empresas de cosméticos e saneantes participantes do Programa de Apoio à Competitividade das Micro e Pequenas Indústrias (Procompi) com posterior elaboração de relatório individualizado por empresa, além de reuniões de feedback”, conta a coordenadora do CIN, Daniella Cunha.

 

 

A coordenadora do CIN, Daniella Cunha, falou das ações que visam a competitividade.

 

Após a etapa presencial, as empresas irão preparar plano de ação com os cronogramas de implantação das mudanças sugeridas. Daniella explica que o seminário teve ainda como objetivo captar empresas junto ao público visitante e expositor, a fim de que estas participem das capacitações e consultorias que visam a internacionalização.

 

Al-Invest - No Mercosul, Chile e Venezuela, o Programa é implementado e cofinanciado por um consórcio de instituições liderado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), entidade máxima de representação da indústria brasileira. Criada em 1938, coordena um sistema formado por Federações da Indústria de 26 estados e do Distrito Federal, às quais estão filiados mais de 1000 sindicatos patronais e quase 100 mil indústrias.

 

Na área internacional, a CNI coordena a Rede Brasileira de Centros Internacionais de Negócios-Rede CIN. Com o apoio da Rede CIN, as empresas adquirem Know how e as condições desejáveis para uma entrada segura e bem-sucedida em mercados globais cada vez mais competitivos. Conheça outros programas e atividades desenvolvidos pela Rede Cin acessando o site www.cin.org.br.