A+ A-

Notícias

segunda-feira, 5 de fevereiro de 2018

Com inscrições abertas, Prêmio IEL de Estágio completa 15 anos

Empresas, instituições de ensino e estagiários podem se inscrever até 16 de março

Comemorando 15 anos em 2018, o Prêmio IEL de estágio está com inscrições abertas até 16 de março. Empresas, instituições de ensino e estagiários podem participar da premiação.  Promovido pelo IEL em parceria com o Fórum de Estágio da Bahia, o prêmio tem como objetivo reconhecer a atuação de todos os agentes envolvidos no processo de estágio.

A premiação homenageia empresas com melhores práticas de atração, desenvolvimento e retenção de estagiários; estudantes que se destacam e as instituições de ensino que apoiam e incentivam a prática de estágio durante a formação acadêmica dos alunos.

Na categoria Empresa Destaque será avaliada a gestão das práticas do programa de estágio. Podem participar empresas públicas e privadas, além de entidades do terceiro setor de todo o Estado, nas classificações: micro/ pequeno, médio, grande porte e órgão público.

Na categoria Estagiário Destaque, podem se inscrever estudantes de nível técnico, superior e ensino médio. Já na categoria Instituição de Ensino de Destaque, podem participar instituições de ensino público ou privado, atuantes com educação profissional, educação superior e ensino médio.

Os interessados devem ter vínculo com o Instituto Euvaldo Lodi (IEL-BA). Para participar, é preciso efetuar o cadastro no site do prêmio, baixar o regulamento, preencher o formulário de inscrição referente à categoria escolhida e entregar as documentações necessárias na unidade do IEL mais próxima, para validar a inscrição. O IEL garante a confidencialidade das informações fornecidas.

Mais informações podem ser obtidas por telefone nos números (71)3343-1365 e (71)3343-1453 ou pelo e-mail melhorespraticas@fieb.org.br.

Histórico

A premiação estadual foi criada em 2004, a partir das discussões do Fórum de Estágio do IEL, que apontavam a necessidade de se desenvolver ações de conscientização sobre a verdadeira essência do estágio, que é ferramenta fundamental para que os estudantes possam por em prática suas competências e que visa à preparação para o mercado de trabalho.

O sucesso da iniciativa do IEL na Bahia foi tamanho que, dois anos depois de criado, o projeto foi adotado pelo IEL nacional. Desta forma, foi criada, em 2006, a edição nacional do prêmio, na qual concorrem os vencedores estaduais de cada categoria.

Desde 2007, 20 finalistas baianos, entre empresas de pequeno, médio e grande portes, estagiários e instituições de ensino, ganharam destaque no Prêmio Nacional de Estágio. No total, a Bahia ficou sete vezes em primeiro lugar nas diversas categorias da premiação.

Em 2017, a empresa Kordsa Brasil, multinacional do ramo têxtil sediada em Camaçari/BA, foi vencedora na categoria média empresa. Outras empresas da Bahia se destacaram na premiação. As empresas Tecon Salvador e Lacerta Consultoria Projetos e Assessoria Ambiental Ltda ficaram em terceiro lugar nas categorias grande e micro/pequena empresa, respectivamente. Já a instituição de ensino Sete Serviços Empresariais Trabalho e Educação ficou na terceira colocação entre as instituições de ensino técnico.